VITÓRIAS DE PONTE E TIMÃO

O Palmeiras levou um chocolate da Ponte Preta, neste domingo de Páscoa (16), no estádio Moisés Lucarelli, em Campinas.

Em jogo ruim da equipe alviverde e bom do time da casa, o resultado da primeira semifinal ficou em 3 X 0 para a Ponte Preta, que abriu grande vantagem por uma vaga na final do Campeonato Paulista.

A vantagem foi toda construída na primeira etapa.

Antes dos 10 minutos do primeiro tempo, William Pottker, de calcanhar, e Lucca já haviam marcado 2 X 0.

Aos 34 minutos do primeiro tempo, Zé Roberto escorregou dentro da área e Jéferson ficou livre para marcar o terceiro.

Nervoso, o Palmeiras quase não ofereceu riscos ao gol de Aranha.

No segundo tempo, o Palmeiras partiu para cima, buscando ao menos um gol, mas foi a Ponte Preta quem levou mais perigo.

A decisão da vaga acontece no próximo sábado (22), em São Paulo, no Allianz Parque.

A Ponte Preta pode até perder por dois gols de diferença.

Já o Palmeiras tem que vencer por três gols para levar a partida para os pênaltis.

A vaga direta só viria com uma goleada por quatro ou mais gols de diferença.

O Corinthians conseguiu grande vantagem na primeira partida semifinal do Campeonato Paulista, ao vencer o São Paulo, no Morumbi, por 2 X 0 na noite deste domingo (16).

Os gols corintianos foram marcados ainda no primeiro tempo, com Jô, aos 20 minutos, após tabelar com Rodriguinho e marcar de canela, de frente com Renan Ribeiro e Rodriguinho, com chute preciso, de fora da área, aos 47 minutos do primeiro tempo.

O momento de grande repercussão na partida também aconteceu na primeira etapa, quando Rodrigo Caio avisou o árbitro da partida,

Luiz Flávio de Oliveira, que Jô, do rival Corinthians, havia recebido um cartão amarelo injusto.

Ao término da partida, torcedores são-paulinos vaiaram o time e gritaram “vergonha, vergonha”.

Na quinta-feira (13), em partida da Copa do Brasil, também no Morumbi, o São Paulo já havia perdido para o Cruzeiro pelo mesmo placar.

Pela vitória, o Corinthians pode perder por até um gol de diferença na partida de volta, no próximo domingo (23), em Itaquera.

Jô marcou na vitória do Corinthians. (Foto: Veja.abril.com.br)
Já o São Paulo, para ficar com vaga na final, precisará vencer por três ou mais gols de diferença. Caso vença por dois gols, a decisão será na disputa por pênaltis.

Reportagem: Veja.abril.com.br

Adaptação: Eduardo Oliveira

Revisão de Texto: Ana Cristina Ribeiro

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Confirme que você não é um robô. *