VITÓRIA NO SAN-SÃO

O São Paulo, enfim, conseguiu uma vitória sobre o Santos jogando na Vila Belmiro.

O Tricolor não ganhava na casa do Peixe desde 2009.

Pelo Campeonato Paulista, havia mais tempo ainda, desde 2003.

E no estadual, contra qualquer adversário, eram seis anos e 45 jogos de invencibilidade dos santistas.

Rogério Ceni ganhou seu primeiro clássico.

Na final do Torneio da Flórida, seu time empatou sem gols com o Corinthians, mas conquistou o título nos pênaltis.

O Santos saiu na frente aos 10 minutos do primeiro tempo, Vitor Bueno partiu para cima de Buffarini e deixou o rival para trás com um lindo drible.

Na linha de fundo, cruzou na cabeça de Copete, que só encostou na bola para abrir o placar na Vila.

Santos 1 a 0.

O São Paulo chegou ao empate.

Zeca tocou em Gilberto quando o atacante subiu dentro da área.

O árbitro marcou pênalti.

Cueva cobrou com tranquilidade e marcou, aos 36 minutos do primeiro tempo.

Na comemoração, o jogador do São Paulo recebeu cartão amarelo.

O árbitro insinuou que o jogador provocou os torcedores.

Aos 10 minutos do segundo tempo, Lucas Lima errou no meio campo, e perdeu a bola para Luiz Araújo.

A bola ficou com Gilberto, que lançou Luiz Araújo.

Cara a cara com o goleiro Vladimir, driblou e tocou para virar o placar.

São Paulo 2 a 1.

Aos 27 minutos do segundo tempo, o goleiro Sidão lançou para Araruna, que avançou e encontrou Cueva dentro da área do Santos.

O peruano se livrou da marcação e rolou na medida para Luiz Araújo, com todo o espaço.

Chutou cruzado no canto do goleiro Vladimir para fazer o terceiro do São Paulo.

Final, Santos-SP 1 São Paulo-SP 3.

Confira os outros resultados desta terceira rodada:

A rodada começou dia 8 de fevereiro, no Estádio Moisés Lucarelli, em Campinas, empate de RB Brasil-SP 1 X 1 Santo André-SP.

Gols de Elton (RB Brasil); Fernando Neto (Santo André).

Na terça-feira (14):

Mirassol-SP 3 X 1 Linense-SP, no Estádio Muncipal de Mirassol, em Mirassol.

Gols de Xuxa, Wellington e Rodolfo (Mirassol); Diego Felipe (Linense).

Ferroviária-SP 1 X 1 Audax-SP, na Arena Fonte Luminosa, em Araraquara.

Gols de Juninho (Ferroviária); Pedro Carmona (Audax).

Nesta quarta-feira (15):

Ituano-SP 1 X 0 São Bento-SP, no Estádio Novelli Júnior, em Itu.

O gol foi meio inusitado.

João Paulo recuou do meio de campo e acabou anotando um gol contra bizarro para dar a segunda vitória ao Galo de Itu na competição.

Botafogo-SP 1 X 2 Ponte Preta-SP, no Estádio Santa Cruz, em Ribeirão Preto.

Gols de Rafael Bastos (Botafogo); William Pottker (marcou duas vezes para a Ponte Preta).

A partida também ficou marcada pelo susto com o lateral-direito Samuel Santos, do Pantera.

Após um choque de cabeça com Yago, ele caiu desacordado no gramado.

Os jogadores ficaram desesperados e até tiraram a camisa para abanar.

Atendido, ele retomou a consciência e ainda quis voltar, mas, com traumatismo craniano, deixou o estádio de ambulância para passar por exames neurológicos no hospital mais próximo.

O jogo ficou paralisado até o veículo voltar.

Como Moacir Júnior já havia feito as três substituições, o Pantera jogou os minutos finais com um homem a menos.

Ainda perdeu Wesley, expulso nos acréscimos, e terminou com nove jogadores.

Na Arena Corinthians, com um público para mais de 11 mil torcedores o menor até agora da Arena, o Corinthians venceu o Novorizontino com gol de Pablo de cabeça depois da cobrança de escanteio de Fágner, aos 27 minutos do segundo tempo.

Nesta quinta-feira (16), às 19h30, na Arena Palmeiras, em São Paulo, jogarão Palmeiras-SP e São Bernardo.

Reportagem: Eduardo Oliveira

Revisão de Texto: Ana Cristina Ribeiro

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Confirme que você não é um robô. *