VASCO CAMPEÃO CARIOCA SUB-20

Com o título Carioca, o Vasco conquista o terceiro campeonato no ano.

O Cruz-Maltino venceu a Taça Guanabara e Taça Rio e enfrentou o maior rival na final porque o Flamengo teve a melhor campanha no geral.

Terceiro título para o técnico Marcus Alexandre.

Dessa vez não houve confusão e nem cartões vermelhos, como no jogo de ida, mas a partida foi dura.

Ao todo, nove cartões amarelos foram distribuídos pelo árbitro do jogo: cinco para o Flamengo e quatro para o Vasco

Por causa da confusão envolvendo Flamengo e Vasco no dia 8 de julho, em São Januário, pelo profissional do Campeonato Brasileiro, o jogo foi adiado para este mês e foi realizado com portões fechados.

Mas isso não impediu alguns torcedores de darem um jeitinho para assistir ao jogo.

Apesar do Vasco ter levado o título carioca, foi o goleiro do Flamengo quem se destacou nos 90 minutos.

Hugo Souza pegou apenas um pênalti, mas ele foi o grande “culpado” para a partida ser decidida na marca da cal.

O goleiro rubro-negro fez grandes defesas em chutes de Alan Cardoso, Andrey e Robinho.

Detalhe: ele só jogou porque Alex Muralha foi expulso no primeiro jogo da semifinal da Copa do Brasil e Gabriel Batista (titular da posição) terá que ficar no banco nesta noite

Principal nome do Vasco no Campeonato, Paulo Vitor saiu logo aos 24 minutos do primeiro tempo, quando o jogo ainda estava 0 a 0.

O atacante, artilheiro da competição com 13 gols, sentiu muitas dores na coxa.

Foi substituído por Marrony, que não fez o mesmo que o camisa 9 do Vasco realizou durante o campeonato, mas também não comprometeu

Somando os 90 minutos, o Flamengo foi melhor do que o Vasco no segundo jogo da final do Campeonato Carioca Sub-20, mas não faltou emoção.

Lincoln (melhor em campo nesta quarta-feira (23)) marcou o gol do Rubro-Negro, que levou a decisão para os pênaltis.

Na marca da cal, o Cruz-Maltino se sobressaiu, principalmente com João Pedro, que pegou o pênalti de Patrick e contou com a sorte ao ver a bola de Lucas Silva acertar a trave.

Reportagem: Globoesporte.globo.com

Adaptação: Eduardo Oliveira

Revisão de Texto: Ana Cristina Ribeiro

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Confirme que você não é um robô. *