São Paulo na próxima fase

Na Arena da Baixada, Tricolor superou o Furacão por 2 a 0 e confirmou vaga nas semifinais do Brasileirão de Aspirantes com uma rodada de antecedência.

O São Paulo está classificado para as semifinais do Brasileirão de Aspirantes!

Nesta terça-feira (9), o Tricolor visitou o Atlético-PR na Arena da Baixada e derrotou o rival por 2 a 0, pela quinta rodada da segunda fase.

Os gols do triunfo que confirmou a equipe paulista na fase seguinte foram marcados por Foguete e Brenner.

O resultado deixou o Tricolor na liderança do Grupo C, agora com 12 pontos.

Já o Furacão deu adeus à competição antes da última rodada, ficando em terceiro lugar com seis somados.

O Tricolor precisava vencer para garantir a classificação com uma rodada de antecedência.

Mas quem levou perigo primeiro foi o Furacão, logo aos 15 minutos do primeiro tempo, em finalizações de Alex e Bill.

Mas o São Paulo se organizou e conseguiu pular na frente.

Na marca dos 38 minutos do primeiro tempo, Foguete abriu o placar para a equipe paulista.

Na etapa final, o Furacão imprimiu grande pressão durante parte do período.

No entanto, o Rubro-Negro não conseguiu furar a defesa rival.

Quase na marca dos 40 minutos do segundo tempo, o Furacão por pouco não aproveitou falha do goleiro tricolor e empatou o duelo.

Mas Brenner, aos 48 minutos do segundo tempo, anotou o segundo dos visitantes e decretou a classificação do São Paulo no Brasileirão de Aspirantes.

Com dois gols de Eron e um de Hebert, Leão derrotou o América-MG por 3 a 1 e ficou muito perto de se garantir na próxima fase do Brasileirão de Aspirantes.

O Vitória deu um passo gigante rumo à próxima fase do Brasileirão de Aspirantes.

Nesta terça-feira (9), pela quinta rodada, o Rubro-Negro venceu o América-MG por 3 a 1, no Barradão, e assumiu a liderança do Grupo C.

O resultado deixou o Leão com dez pontos, em primeiro na chave.

No entanto, o São Paulo, que enfrenta o Atlético-PR também nesta terça-feira (9), pode tirar o Rubro-Negro da ponta.

Já o Coelho, por outro lado, está eliminado da competição, somando apenas um ponto, figurando na lanterna do grupo.

Vitória e América-MG fizeram um primeiro tempo movimentado.

Os donos da casa tiveram as melhores chances durante a maior parte do jogo.

O Coelho, por sua vez, colocou uma bola na trave nos minutos finais do período.

O Leão voltou do intervalo disposto a sair com o triunfo em casa, mas desperdiçou a melhor oportunidade da partida até o momento.

Logo aos 8 minutos do segundo tempo, Jhemerson parou nas mãos do goleiro Jory em cobrança de pênalti.

Acontece que o Vitória teria mais uma penalidade assinalada a seu favor.

Dessa vez, aos 23 minutos do segundo tempo, Eron aproveitou a chance e colocou o Rubro-Negro na frente.

O gol pareceu dar novo ânimo à equipe mandante.

Aos 26 minutos do segundo tempo, Hebert ampliou para o Leão.

Quase dez minutos depois, aos 36 minutos do segundo tempo, o Coelho se mostrou vivo na partida, ao diminuir com Pilar.

Mas Eron estava impossível nesta tarde de terça-feira (9), marcando o segundo dele e o terceiro do Vitória, na marca dos 44 minutos do segundo tempo.

No fim, triunfo rubro-negro no Barradão e classificação muito próxima.

Reportagem: CBF.com.br

Adaptação: Eduardo Oliveira

Revisão de Texto: Ana Cristina Ribeiro

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Confirme que você não é um robô. *