PALMEIRAS SUBIU MAIS UM DEGRAU

No Independência, o Atlético-MG enfrentou o Palmeiras, precisava da vitória para continuar na briga pela terceira vaga para a Taça Libertadores de forma direta.

Começou pressionando o Palmeiras.

E num bom contra-ataque o Verdão abriu o placar.

Dudu arrancou pela direita, se livrou da marcação e encontrou Gabriel Jesus dentro da área.

O garoto chutou forte, a bola desviou no zagueiro Gabriel e enganou o goleiro Victor.

Palmeiras 1 a 0.

O Galo buscou o empate.

Mas, o primeiro tempo terminou mesmo no 1 a 0 para o Palmeiras.

Aos 13 minutos do segundo tempo, Robinho fez o cruzamento pelo lado esquerdo, o argentino Lucas Pratto que tinha acabado de entrar.

Se antecipou a Egídio e desviou cara a cara, matando o goleiro Jailson.

O Galo chegou o empate.

Na próxima rodada, o Palmeiras joga contra o Botafogo, às 17 horas, na Arena, em São Paulo, no domingo (20).

No mesmo dia, o Atlético visita o Santa Cruz, mas, às 19h30, no Estádio do Arruda.

Final, Atlético-MG 1 Palmeiras-SP 1.

No Morumbi, o São Paulo fez uma grande partida saiu na frente, mas sofreu o empate do Grêmio.

E embolou o meio da tabela e as equipes que lutam por uma vaga na Libertadores.

Aos 11 minutos do segundo tempo, João Schmidt fez um ótimo lançamento para Chavez.

O argentino ganhou da defesa e tocou por cobertura para vencer o goleiro Marcelo Grohe e abrir o placar.

São Paulo 1 a 0.

Nos poucos ataques do Grêmio, o time gaúcho chegou ao empate.

Aos 21 minutos do segundo tempo, Douglas acionou Ramiro, que chutou cruzado e venceu o goleiro Denis.

Com esse empate, o São Paulo foi a 46 pontos e continua como décimo segundo colocado no torneio.

O Grêmio, com 50, mantém a oitava posição, a dois pontos do G-6.

Na próxima rodada, as duas equipes jogam no domingo (20).

O Grêmio recebe o América-MG, em Porto Alegre, às 17 horas.

E o São Paulo visita a Chapecoense, às 19h30, na Arena Condá.

Final, São Paulo-SP 1 Grêmio-RS 1.

Na Vila Belmiro, o Santos venceu o Vitória e voltou para a segunda colocação.

Aos 35 minutos do segundo tempo, Copete recebeu ótimo passe de Lucas Lima e tocou na saída do goleiro Caíque.

Posição do colombiano era duvidosa.

Santos 1 a 0.

O Vitória chegou ao empate, de pênalti.

Noguera errou no corte e Yuri dominou com a mão na área.

Aos 16 minutos do segundo tempo, Marinho deslocou o goleiro Vanderlei e empatou o jogo na Vila.

O Santos voltou a frente do placar.

Lucas Lima deu bom passe para Copete e Diogo Matheus chegou atrasado.

Aos 21 minutos do segundo tempo, Ricardo Oliveira cobrou deslocando o goleiro Caíque.

Santos 2 a 1.

Aos 38 minutos do segundo tempo, Copete aproveitou falha de David e chutou para marcar.

Santos 3 a 1.

Aos 48 minutos do segundo tempo, Serginho emprestado pelo Santos aproveitou cruzamento do lado esquerdo de Diego Renan e marcou de cabeça.

Na próxima rodada, o Santos enfrenta o Cruzeiro no Mineirão, às 17 horas, no domingo (20).

E o Vitória recebe o Figueirense, no Barradão, no mesmo dia e horário.

Final, Santos-SP 3 Vitória-BA 2.

No Beira-Rio, o drama do Inter continua, após mais uma rodada sem vencer.

O Colorado até saiu na frente, aos 12 minutos do primeiro tempo.

Após, Matheus Jesus cair e ficar pedindo falta na intermediária, o meia Valdívia tocou para Anderson e correu para o meio da área e completar o cruzamento.

Internacional 1 a 0.

Aos 11 minutos do segundo tempo, Clayson cruzou na cabeça do zagueiro Antônio Carlos, que subiu livre e tirou o goleiro Danilo Fernandes com um leve desvio de cabeça.

Na próxima rodada, a Ponte Preta recebe o Fluminense, no Estádio Moisés Lucarelli, em Campinas, no domingo (20), às 17 horas.

E o Internacional que após a partida demitiu o técnico Celso Roth, enfrenta o Corinthians na segunda-feira (21), às 20 horas, na Arena Itaquera.

Final, Internacional-RS 1 Ponte Preta-SP 1.

Reportagem: Eduardo Oliveira

Revisão de Texto: Ana Cristina Ribeiro

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Confirme que você não é um robô. *