PALMEIRAS É CAMPEÃO!!!

Depois de 22 anos, o Palmeiras voltou a sentir o gosto de ser campeão brasileiro.

O Palmeiras foi campeão brasileiro em 1960, 1967 (Taça Brasil), 1967 (Torneio Roberto Gomes Pedrosa), 1969, 1972, 1973, 1993, 1994 e, agora, 2016, pela primeira vez na era dos pontos corridos.

Foi a melhor equipe, assumiu a liderança na décima nona rodada e não mais saiu.

Um time equilibrado, que fez por merecer o título.

Onde o torcedor compareceu na Arena e fez a festa completa com a vitória sobre a Chapecoense.

A vitória foi apenas por um a zero, mas em nenhum momento sofreu alguma pressão.

Até o momento a melhor defesa sofreu apenas 31 gols e marcou 60.

Com 77 pontos não pode ser alcançado mais por ninguém.

E aos 25 minutos do primeiro tempo, o gol do Palmeiras.

Em cobrança de falta, Dudu rolou para Zé Roberto, que chutou rasteiro para a entrada da área.

Gabriel Jesus fez corta-luz, Moisés tocou de letra, e Fabiano mandou por cobertura, sem chances para o goleiro Danilo.

Palmeiras 1 a 0.

O Verdão poderia ter ampliado, mas levou a vantagem para o vestiário.

No segundo tempo, a expectativa pelo título se aproximava a cada momento.

E com o segundo gol do Flamengo, a torcida explodiu na Arena.

Com o grito de é campeão, é campeão.

Na verdade Eneacampeão.

Ao final do jogo, prêmio para um ídolo.

Fernando Prass, que estava parado desde agosto, por lesão, entrou aos 45 para ser festejado pela torcida.

Na próxima rodada, a última, o Palmeiras vai a Salvador enfrentar o Vitória, e a Chapecoense recebe o Atlético na Arena Condá.

As duas partidas acontecem no domingo (4), às 17 horas.

Antes a Chapecoense faz o primeiro jogo da final da Copa Sul-Americana contra o Atlético Nacional de Medellín (Colômbia), na quarta-feira (30), às 21h45.

Final, Palmeiras-SP 1 Chapecoense-SC 0.

No Beira-Rio, o Internacional respirou após a vitória de 1 a 0 sobre o Cruzeiro.

Depois de um primeiro tempo sem inspiração das equipes, o Inter voltou um pouco melhor.

E conseguiu marcar em grande jogada de Valdívia que puxou o contra-ataque, como ninguém se apresentou chutou de fora da área para marcar.

Inter 1 a 0.

O Cruzeiro teve algumas oportunidades com Ábila e Robinho mas, não aproveitaram.

Na última rodada, o Internacional define a permanência ou não no Campeonato Brasileiro da Série A contra o Fluminense, no Rio de Janeiro, domingo (4), às 17 horas (de Brasília), no Maracanã.

No mesmo horário, o Cruzeiro, já sem ambições no Campeonato Brasileiro, cumpre tabela contra o Corinthians, no Mineirão.

Final, Internacional-RS 1 Cruzeiro-MG 0.

No Independência, o Atlético-MG com todos os reservas exceto Fred que não pode jogar na Copa do Brasil enfrentou o São Paulo.

E despediu de seu torcedor com uma derrota para o São Paulo de virada.

Aos 22 minutos do primeiro tempo, Carlos Eduardo fez o cruzamento e Hyuri antecipou ao goleiro Renan Ribeiro para marcar.

Atlético 1 a 0.

Não deu nem tempo para comemorar.

Aos 24 minutos do primeiro tempo, cobrança de falta de Maicon, acertando o ângulo direito do goleiro Giovanni.

Foi o empate São Paulo.

Aos 45 minutos do segundo tempo, contra-ataque rápido do São Paulo pelo lado direito, Cueva tocou para Robson, em velocidade, que só rolou para o meio da área.

Gilberto completou para o gol e virou o jogo.

São Paulo 2 a 1.

O Atético-MG chegou aos 62 pontos e já definiu sua posição na tabela do Brasileirão.

Apesar do último jogo contra a Chapecoense no próximo domingo (4), o foco total é no Grêmio, pelo jogo de volta da grande final da Copa do Brasil.

O Galo perdeu a primeiro por 3 a 1, no Mineirão, e tem que vencer por dois gols de diferença para levar a partida para os pênaltis.

Com a vitória no finalzinho do jogo, o São Paulo pulou duas posições na tabela de classificação.

O tricolor saiu da décima terceira colocação para a décima primeira, agora com 49 pontos, entrando na zona de classificação para a Copa Sul-Americana.

Para fechar o Campeonato Brasileiro, a equipe paulista recebe o já rebaixado Santa Cruz, no domingo (4), às 17 horas (de Brasília), no Pacaembu, já que o Morumbi será utilizado para um show musical.

Final, Atlético-MG 1 São Paulo-SP 2.

No Maracanã, o Flamengo venceu o Santos com um gol em cada tempo e assumiu a segunda colocação.

Grande atuação de Diego que marcou um lindo gol.

Aos 4 minutos do primeiro tempo, após saída errada do Santos, Guerrero recuperou a bola, traz para a perna direita e acertou um belo chute de fora da área, sem chance para o goleiro Vanderlei.

Flamengo 1 a 0.

Aos 39 minutos do segundo tempo, Pará cruzou para a área e, na segunda trave, Diego esticou a perna esquerda para marcar o segundo gol do Flamengo.

Santos diminuiu o ritmo, errou muitos passes e não demonstrou forças para reagir contra o Flamengo.

Na próxima rodada, no domingo (4), o Flamengo enfrenta o Atlético-PR que luta por uma vaga no G-6, na Arena da Baixada e o Santos recebe o América-MG no Estádio da Vila Belmiro.

No mesmo dia e horário.

Final, Flamengo-RJ 2 Santos-SP 0.

Reportagem: Eduardo Oliveira

Revisão de Texto: Ana Cristina Ribeiro

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Confirme que você não é um robô. *