Palmeiras campeão!!!

Cruzeiro vira no tempo normal, mas Palmeiras vence nos pênaltis e leva título da Copa do Brasil Sub-20.

Verdão larga na frente, abre 3 a 1, mas sofre empate ainda na metade do segundo tempo.

Time paulista aguenta pressão, Gomes pega pênalti e leva primeira conquista do torneio para casa.

O Palmeiras é o novo campeão da Copa do Brasil Sub-20, mas não sem antes ter vivido fortes emoções na noite desta quinta-feira (16).

Diante de um bom Cruzeiro, fora de casa, no Estádio Independência, o Verdão chegou a abrir 3 a 1, mas se acomodou, sofreu uma virada épica em seis minutos e parecia não ter fôlego para segurar o rival.

A Raposa venceu por 4 a 3 no tempo normal, mas, nos pênaltis, o Palmeiras foi mais competente, não errou uma cobrança sequer e viu Adriano e Thiago errarem suas cobranças.

O goleiro Gomes pegou uma delas e foi o herói do título: 4 a 1 Verdão nas penalidades.

Mais leve por causa da vantagem obtida no jogo de ida, o Palmeiras mandou na partida em seus primeiros 45 minutos, criou as melhores chances e parecia ter controle total da decisão.

Patrick de Paula, num golaço de falta, abriu o placar.

O empate da Raposa veio com Welinton, pouco depois, mas o Verdão não se abalou.

Aníbal fez 2 a 1 após boa jogada ofensiva, e a torcida cruzeirense no Independência murchou, já não acreditando muito na possibilidade de título.

Essa sensação da torcida da casa ficou ainda mais forte depois que Alanzinho fez lindo gol antes do primeiro minuto da segunda etapa.

Com o 3 a 1 a favor, o Palmeiras administrou a vantagem, até demais.

A equipe paulista parou de levar perigo ao gol do Cruzeiro e, pior, passou a sofrer na defesa.

Em seis minutos, a Raposa aproveitou a falta de concentração do rival para fazer três gols, virar a partida e levá-la para os pênaltis.

Dos 21 aos 27 minutos, Adriano, Thiago e João Luiz marcaram e fizeram a torcida jogar junto até o fim.

O Palmeiras foi perfeito nas cobranças com Esteves, Fabricio, Cesinha e Lincoln.

No Cruzeiro, João Luiz marcou o primeiro, mas Adriano e Thiago erraram.

Reportagem: Globoesporte.globo.com

Adaptação: Eduardo Oliveira

Revisão de Texto: Ana Cristina Ribeiro

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Confirme que você não é um robô. *