PADRONIZAÇÃO DAS TRANSMISSÕES NAS SÉRIES A E B

De olho na padronização das transmissões e empacotamento do produto, a CBF (Confederação Brasileira de Futebol) tem planos de fornecer um feed único para as partidas da Série A, a exemplo do que acontece nas grandes ligas europeias.

Com isso, seria possível criar uma identidade visual e disseminá-la não só no mercado interno, mas também nos países em que o sinal chega.

“Estamos falando com as emissoras para fazermos um trabalho de branding.

É o que enxergamos para o futuro”, disse o diretor de competições Manoel Flores.

No seminário de operações das Séries A e B, a CBF ressaltou que o STJD (Superior Tribunal de Justiça Desportiva) terá mais uma ferramenta para analisar os fatos das partidas.

O relatório do delegado do jogo passará a ser público, como previsto no regulamento geral de competições.

“Existem fatores extracampo que são impossíveis de serem relacionados pelo árbitro”, comentou Manoel.

Reportagem: Blog de Prima

Adaptação: Eduardo Oliveira

Revisão de Texto: Ana Cristina Ribeiro

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Confirme que você não é um robô. *