O gatilho mais rápido do oeste

Yu Darvish, de 25 anos, chegou ao Texas Rangers não só para ser o gatilho mais rápido do Oeste, mas para ajudar a equipe a conseguir vencer sua primeira World Series (título da Major League Baseball disputado entra o campeão da Liga Americana e Liga Nacional) da história. Até agora, os U$ 60 milhões investidos na contratação do Pitcher (lançador) parecem não ter sido em vão. Com seu arremesso de bola rápida, que em alguns jogos no Japão já atingiu 160 KM/h, Darvish tem se consolidado como um dos principais jogadores da rotação titular do Texas Rangers, líder da divisão Oeste da Liga americana, e é um dos favoritos ao título.

Filho de pai iraniano e mãe japonesa, Yu Darvish já lançava bolas de 140 KM/h no ensino médio. No penúltimo ano de escola já despertou interessou do Los Angeles/Anaheim Angels e Atalanta Braves, que escolheram o atleta no Draft de 2004. No último ano de ensino médio deixou de lado os preparativos para formatura para analisar as propostas dos gigantes New York Yankees e Los Angeles Dodgers. Apesar do assédio, preferiu ficar no Japão e atuar pelo Hokaido Nipon-Ham Fighters, que pagou um salário de 15m de Yenes mais um bônus de assinatura de 100m de Yenes pelos serviços do atleta.

Seu primeiro jogo como profissional aconteceu no dia 15 de junho de 2005. Depois de ser duas vezes o MVP da Pacific League (uma das divisões da NPB, Nippon professional Baseball , a liga japonesa de baseball), duas vezes vencedor título de melhor ERA (média de corridas cedidas. Quanto menor o número melhor o lançador) e vencer o EUA no World baseball Classic de 2009 (torneio disputado entre Venezuela, Republica dominicana, Coreia do Sul, Venezuela, EUA e Cuba) e conquistar diversos prêmios individuais, todos perceberam que a liga japonesa estava pequena demais para Darvish.

Para se contratar um jogador da Liga japonesa não é tão simples. Desde 1998, existe um acordo entre a Major League Baseball e a Nippon Professional League para proteger os times da liga japonesa. Para uma equipe americana comprar um jogador japonês é necessário esperar o atleta completar nove anos de serviços prestados por seu atual time ou pagar uma compensação financeira.  Cinco anos atrás o Boston Red Sox, um dos times mais ricos da MLB, gastou U$ 52 Milhões pelo Pitcher Daisuke Matsusaka.

Para contar com os serviços de Yu Darvish, o presidente do Texas Rangers Nolan Ryan resolveu desembolsar, além do U$ 60m por seis anos de contrato, uma compensação financeira de U$ 51.7m para o Hokaido Nipon-Ham Fighters . Darvish anunciou sua saída em uma conferência de imprensa no Sapporo Dome que reuniu mais e 10,000 torcedores dos FIghters. Sua estreia na MLB aconteceu no dia 9 de abril ,contra o Seattle Mriners. Neste jogo ele fez cinco strike outs (quando o rebatedor é eliminado depois de três arremessos válidos), cedeu cinco corridas e quatro walks (quando a o arremessador erra a zona de strike por quatro vezes). No vídeo acima você poderá ver seu primeiro Shutout (jogo em que o arremessador não cede nenhuma corrida), contra os Yankees.

Até agora Darvish tem correspondido as expectativas. Ele lidera seu time em Strike outs, 117, e tem o maior número de vitorias entre os pitchers do Texas Rangers. Seu ERA (3.59) está alto em comparação ao espetacular número que tinha quando jogava no Japão (1.99), mas, em seus primeiros meses atuando nos EUA, teve um começo muito promissor. Ele foi eleito o AL Rookie of month (Novato do mês da Liga Americana) em julho, e estará amanhã atuando como starting pitcher em seu primeiro All Star Game. O jogo será transmitido, na terça-feira (09/07) pela ESPN, às 21h.

Por Kelisson Rodrigues

kelissonrodrigues@hotmail.com

http://www.facebook.com/Kelissonrodrigues

https://twitter.com/#!/Kelisson

Olha o Henry aí gente!
, , , , ,

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Confirme que você não é um robô. *