NADA DE MUNDIAL

Uma derrota histórica com drama até os segundos finais.

A seleção brasileira de basquete feminino perdeu a disputa do bronze para Porto Rico por 75 a 68 neste domingo (13), e está fora do Mundial de Basquete pela primeira vez em 58 anos.

O Brasil só não disputou o Mundial uma vez na história.

A única vez que a seleção brasileira ficou fora da competição foi na edição de 1959, realizada na antiga União Soviética.

Foram 16 participações em 17 eventos já realizados.

Será a primeira vez de Porto Rico na competição. Foi uma derrota frustrante para fechar uma campanha com duas vitórias e, depois, quatro derrotas seguidas.

O Brasil conseguiu abrir vantagem de cinco pontos no primeiro quarto, mas erraram muito no segundo quarto e não aproveitaram o passe de bola.

O time precisou de mais de três minutos para marcar o primeiro ponto no segundo quarto.

Porto Rico conseguiu reagir com erros das brasileiras e passou à frente no placar, mas a seleção conseguiu empatar o jogo antes do intervalo em 30 a 30.

As adversárias mantiveram com 15 pontos em cada quarto, enquanto as brasileiras fizeram o dobro de pontos no quarto inicial em comparação ao seguinte.

Porto Rico conseguiu impor velocidade no jogo e abriu até seis pontos à frente e o Brasil fechou o terceiro quarto apenas dois atrás: 50 a 48.

As adversárias conseguiram seguir bem até os momentos decisivos, apesar da reação do Brasil.

Maior pontuadora da seleção no jogo, Kelly não conseguiu brilhar sob pressão nos lances livres. Pontos preciosos que fizeram a diferença.

O destaque das adversárias foi para Gibson, que acertou cinco cestas de três pontos na partida.

O desespero aumentou e o Brasil voltou a falhar.

Os erros custaram caro e Porto Rico embalou.

A doze segundos do fim, a equipe adversária pediu tempo técnico com placar de 71 a 68.

O cronômetro apitou, pondo fim nas chances das brasileiras subirem no pódio e garantirem a vaga.

Reportagem: Globoesporte.globo.com

Adaptação: Eduardo Oliveira

Revisão de Texto: Ana Cristina Ribeiro

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Confirme que você não é um robô. *