MAIS TRÊS OUTROS CLASSIFICADOS

Na Arena Itaquera, o Corinthians venceu o Fluminense pelo placar mínimo, com muita reclamação dos cariocas.

Na partida houve três gols bem anulados pela arbitragem, e dois pênaltis muito discutíveis em favor do Fluminense.

Além de Marquinhos que recebeu o cartão vermelho, por reclamar muito do árbitro Rodolpho Toski Marques.

Aos 23 minutos do segundo tempo, Marquinhos Gabriel avançou pelo lado direito e passou para Giovanni Augusto.
O meia corintiano chutou cruzado rasteiro, e a bola ficou com Rodriguinho.

Que dominou e, antes que a marcação do zagueiro Gum e do lateral direito Wellingon Silva chegassem, concluiu ao gol.

O goleiro Júlio César ainda tentou evitar o gol.

Final, Corinthians-SP classificado 1 Fluminense-RJ eliminado 0.

Outra partida com placar mínimo foi em Belo Horizonte.

No Mineirão o Cruzeiro venceu outra vez o Botafogo.

Aos 36 minutos do primeiro tempo, depois da cobrança de escanteio o zagueiro Bruno Rodrigo cabeceou e marcou.

Como o time mineiro havia vencido por 5 a 2, o Botafogo neste momento precisaria fazer 5 a 1.

O que não aconteceu.

Final, Cruzeiro-MG classificado 1 Botafogo-RJ eliminado 0.

Em São Januário, outra partida com muita reclamação.

O Santos saiu na frente abriu vantagem, mas o Vasco virou o jogo e sofreu o gol que causou muita revoltado dos cruzmaltinos.

Aos 10 minutos do primeiro tempo, Thiago Maia ganhou a dividida da defesa do Vasco foi pela direita fez o cruzamento, o goleiro Martín Silva errou no corte e Copete marcou.

Santos 1 a 0.

Aos 24 minutos do primeiro tempo, Junior Dutra foi para o lado esquerdo fez o cruzamento, a bola passou por todo mundo, e Nenê pegou de primeira.

E o goleiro Vanderlei não conseguiu chegar na bola.

O Vasco chegou ao empate.

Aos 25 minutos do segundo tempo, depois do Santos ter perdido um gol muito fácil de fazer, o Vasco partiu no contra-ataque.

A bola chegou na área, Thalles brigou com a defesa santista.

Não conseguiu finalizar, mas deixou livre para Ederson empurrar para rede.

Vasco 2 a 1.

Quando o Vasco fazia uma pressão.

Aos 38 minutos do segundo tempo, Copete tocou em Joel que estava impedido, na esquerda.

O camaronês cruzou e o zagueiro Rodrigo deu carrinho, jogando contra o próprio gol.

Era o empate do Santos.

Na origem da jogada o time do Vasco pediu falta em Alan após sobrecarga de Lucas Lima.

Final, Vasco-RJ eliminado 2 Santos-SP classificado 2.

Nesta quinta-feira (22), jogam:

Fortaleza-CE X Internacional-RS, às 19h15, na Arena Castelão, em Fortaleza, primeiro jogo o Colorado fez 3 a 0.

Em Caxias do Sul, no Estádio Alfredo Jaconi jogam, Juventude-RS e São Paulo-SP, às 21h30.

No jogo de ida vitória dos gaúchos por 2 a 1.

A definição do seu adversário nas quartas de final, que sai nesta sexta-feira (23), em sorteio na CBF (Confederação Brasileira de Futebol).

Reportagem: Eduardo Oliveira

Revisão de Texto: Ana Cristina Ribeiro

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Confirme que você não é um robô. *