LIGA DAS NAÇÕES DEFINIDA

Nesta quarta-feira (11), a UEFA divulgou oficialmente as divisões da Liga das Nações, torneio que será disputado entre os 55 países filiados à entidade, com início em setembro de 2018.

No total, quatro ligas serão disputadas e contarão com o sistema de acesso e rebaixamento.

A divisão em que cada equipe irá atuar foi definida pelo ranking de coeficientes das seleções nacionais da federação, atualizado após o término da fase de grupos das eliminatórias para a Copa do Mundo desta forma, a repescagem europeia não entra na conta.

A maioria das equipes já tinha suas divisões definidas; no entanto, a última rodada fez com que o panorama mudasse para a Holanda.

Apesar de perder a vaga na Copa, a Laranja Mecânica venceu a Suécia por 2 a 0 e conseguiu ultrapassar País de Gales para alcançar o décimo segundo lugar no ranking, feito que rendeu a última vaga na Liga A.

Por sua vez, Gales irá jogar a Liga B.

Confira as seleções que irão disputar cada divisão:

Liga A (12 equipes): Alemanha, Portugal, Bélgica, Espanha, França, Inglaterra, Suíça, Itália, Polônia, Islândia, Croácia e Holanda

Liga B (12 equipes): Áustria, País de Gales, Rússia, Eslováquia, Suécia, Ucrânia, Irlanda, Bósnia, Irlanda do Norte, Dinamarca, República Tcheca e Turquia

Liga C (15 equipes): Hungria, Romênia, Escócia, Eslovênia, Grécia, Sérvia, Albânia, Noruega, Montenegro, Israel, Bulgária, Finlândia, Chipre, Estônia e Lituânia

Liga D (16 equipes): Azerbaijão, Macedônia, Belarus, Geórgia, Armênia, Letônia, Ilhas Faroé, Luxemburgo, Cazaquistão, Moldávia, Liechtenstein, Malta, Andorra, Kosovo, San Marino e Gibraltar

Apesar da divisão em ligas, o torneio organizado pela UEFA substitui os amistosos e não será disputado em pontos corridos, pela falta de datas Fifa para isso. Assim sendo, cada campeonato terá uma divisão em grupos.

Na Liga A, serão quatro grupos de três equipes os melhores clubes de cada grupo passam para as semifinais e finais, que serão realizados em junho de 2019.

As piores equipes de cada chave caem para a Liga B.

A Liga A será a única a ser disputada com mata-mata em sua fase final.

Nos outros casos, as ligas funcionam com o melhor de cada grupo sendo promovido para a divisão de cima, e o pior sendo rebaixado para o campeonato abaixo.

Vagas para a Eurocopa e amistosos

Além de preencher o calendário com mais jogos competitivos, a UEFA irá usar a Liga das Nações como critério de qualificação para a Eurocopa.

No entanto, a fase de eliminatórias para o principal torneio europeu não irá acabar.

As seleções de menor porte ainda terão chance de se classificar para os principais torneios via Liga das Nações.

Uma vaga na Eurocopa será destinada à Liga D, o equivalente à Quarta Divisão do torneio, com os campeões dos quatro grupos se enfrentando numa repescagem o mesmo processo deve acontecer para o Mundial de 2022, no Catar.

As Ligas A, B e C também darão um lugar cada na Euro.

Segundo a UEFA, ainda haverá oportunidade para as seleções realizarem amistosos, em especial as consideradas do primeiro escalão, pois estarão em grupos de três na Liga das Nações (uma sempre folgará por rodada).

Também quer incentivar a competitividade, com a oportunidade de um título considerado relevante a cada dois anos (sempre em ano ímpar).

Veja o calendário do torneio europeu:

Rodada 1: 6–8 Setembro 2018

Rodada 2: 9–11 Setembro 2018

Rodada 3: 11–13 Outubro 2018

Rodada 4: 14–16 Outubro 2018

Rodada 5: 15–17 Novembro 2018

Rodada 6: 18–20 Novembro 2018

Sorteio da fase final: início de Dezembro de 2018

Fase final: 5 a 9 de Junho de 2019

Reportagem: Globoesporte.globo.com

Adaptação: Eduardo Oliveira

Revisão de Texto: Ana Cristina Ribeiro

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Confirme que você não é um robô. *