Goleada da seleção olímpica

No Estádio dos Aflitos, Brasil derrota os venezuelanos por 4 a 1, com gols de Douglas Luiz, Antony (duas vezes) e Pedro.

Em preparação para o Pré-Olímpico de 2020, a Seleção Brasileira Sub-23 encarou a Venezuela na noite desta quinta-feira (10), no Estádio dos Aflitos, e venceu com autoridade.

No primeiro amistoso disputado em Recife, a equipe comandada por André Jardine bateu os venezuelanos por 4 a 1, com gols de Douglas Luiz, Antony (duas vezes) e Pedro.

O próximo compromisso da Seleção Olímpica será contra o Japão, na segunda-feira (14), às 16 horas (horário de Brasília), na Arena Pernambuco.

No primeiro tempo da partida em Recife, a Seleção Olímpica partiu para o ataque diante da Venezuela desde o início do jogo.

Logo aos 6 minutos do primeiro tempo, Caio Henrique levantou na área, Luiz Felipe finalizou forte, mas o goleiro Graterol espalmou.

Depois, aos 11 minutos do primeiro tempo, em novo cruzamento de Caio Henrique, Saggiomo quase marcou contra, e o defensor venezuelano afastou o perigo novamente.

O Brasil seguiu tocando muito bem a bola no setor ofensivo e quase marcou aos 18 minutos do primeiro tempo, quando Emerson cruzou na medida para Matheus Cunha finalizar de cabeça e ver Graterol pegar mais uma.

A insistência da Canarinho não parou e, aos 23 minutos do primeiro tempo, Douglas Luiz pegou rebote na entrada da área e bateu de primeira para fazer 1 a 0.

A Venezuela empatou aos 36 minutos do primeiro tempo, com Cásseres.

Nos minutos finais, a Canarinho ainda criou ótima chance com Matheus Cunha, que tirou tinta da trave adversária.

No início da segunda etapa, o Brasil foi avassalador, marcando dois gols no intervalo de três minutos.

Aos 5 minutos do segundo tempo, Paulinho trocou passes com Pedrinho, que cruzou na medida para Antony finalizar para o fundo das redes.

Depois, aos 8 minutos do segundo tempo, Paulinho acionou Antony nas costas da marcação, e o atacante chutou com categoria para fazer mais um.

Aos 29 minutos do segundo tempo, logo após entrar em campo, Pedro recebeu boa assistência de Antony e mandou uma bomba para fazer o quarto gol da Seleção.

Mesmo seguindo em busca de mais gols, a Canarinho administrou o resultado até o apito final e não mudou mais o marcador.

Brasil: Ivan; Emerson, Luiz Felipe, Ibañez e Caio Henrique (Felipe Jonatan); Douglas Luiz (Bruno Guimarães), Wendel (Allan) e Pedrinho (Mauro Júnior); Antony, Paulinho (Pedro) e Matheus Cunha (Rodrygo).

Reportagem: CBF.com.br

Adaptação: Eduardo Oliveira

Revisão de Texto: Ana Cristina Ribeiro

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Confirme que você não é um robô. *