GOLEADA BRASILEIRA

Na estreia do hexagonal final do Sul-Americano sub-17, o Brasil abriu 2 a 0, mas cedeu o empate para o Paraguai.

Desta vez, a seleção não cometeu o mesmo erro.

Com um gol contra de Luna e outro de Lucas Halter, os brasileiros abriram dois gols de vantagem no primeiro tempo, mas seguiram ditando o ritmo do jogo e marcaram mais duas vezes, com Vinicius Júnior e Yuri Alberto para golear a Venezuela por 4 a 0 e subir para a segunda posição.

Com a vitória, o Brasil sobe para o segundo lugar, com quatro pontos, dois a menos do que o líder Chile, que venceu suas duas partidas por 1 a 0.

A Venezuela está na lanterna do hexagonal, após duas derrotas.

Final Brasil 4 Venezuela 0.

Colômbia, e o Chile pega o Paraguai.

O Equador abriu o placar aos 36 minutos do primeiro tempo, depois que Milcota fez bela tabela com Tobar e bateu na saída do goleiro para fazer 1 a 0.

O segundo saiu três minutos depois, quando Perozo aproveitou a bobeira da defesa adversária, fez o cruzamento, e Cristián Tobar cabeceou para marcar.

Mas, também em um erro da zaga, Jesús Rolón ficou com a bola na área e tocou para o gol aberto para descontar para o Paraguai aos 45 da primeira etapa.

O empate saiu aos 11 do segundo tempo, com Roberto Fernández aproveitando o cruzamento de Alan Rodriguez para deixar tudo igual.

A partida ficou aberta, com as duas equipes indo para o ataque, e cada uma acertando a trave uma vez, mas o 2 a 2 seguiu no placar.

Final, Paraguai 2 Equador 2.

O Chile venceu a Colômbia pelo placar de 1 a 0 gol de Gastón Zuñiga, aos 20 minutos do primeiro tempo de cabeça depois da cobrança de escanteio.

Reportagem: Globoesporte.globo.com

Adaptação: Eduardo Oliveira

Revisão de Texto: Ana Cristina Ribeiro

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Confirme que você não é um robô. *