GOLEADA ARGENTINA

Peru e Venezuela empataram em 1 a 1, na noite desta segunda-feira (23), em Ibarra, e se complicaram no Sul-Americano Sub-20 do Equador.

Pior para os peruanos, que venciam até os 43 da etapa final e, com três partidas já disputadas, amargam a lanterna do Grupo B, com dois pontos.

A Vinotinto tem a mesma pontuação, mas disputou um jogo a menos e ocupa a quarta colocação da chave. Apenas os três primeiros avançam ao hexagonal final.

Ao longo dos 90 minutos, a Venezuela abusou de perder chances e por pouco não se complicou ainda mais.

Aos 37 minutos da etapa inicial, por exemplo, Herrera bateu pênalti para defesa do goleiro, que rebateu no travessão.

No rebote, ele voltou a acertar o poste.

Como castigo, o Peru saiu na frente em jogada individual de Siucho aos 10 minutos do segundo tempo, quando a Vinotinto pressionava.

Só que nos minutos finais Herrera se redimiu, aproveitando bola levantada na área para deixar tudo igual aos 43 minutos.

O camisa 8 da Venezuela ainda teve tempo para ser expulso e arrumar um princípio de confusão no gramado.

Final, Peru 1 Venezuela 1.

A Argentina conquistou na noite desta segunda-feira (23) a sua primeira vitória no Campeonato Sul-Americano sub-20, disputado no Equador.

Após empatar com Peru e Uruguai nas duas primeiras rodadas, a equipe alviceleste lavou a alma com goleada por 5 a 1 sobre a Bolívia, em duelo disputado na cidade de Ibarra.

Pentacampeã da competição, a Argentina tratou de liquidar as chances bolivianas já no primeiro tempo, quando marcou três gols, com Luis Torres, duas vezes, e Braian Mansilla.

Na etapa final, os argentinos fizeram mais dois, com Tomas Conechny e Lucas Rodriguez. No fim, Ramiro Vaca fez o gol de honra da Bolívia.

Mais cedo, o Peru saiu na frente, mas permitiu o empate em 1 a 1 com a Venezuela.

Com esses resultados, o Grupo B continuou embolado.

A Argentina chegou aos cinco pontos e tomou a liderança da Bolívia, com três.

Apesar de serem lanternas, com dois pontos, peruanos e venezuelanos ainda podem se classificar ao hexagonal final, já que os três mais bem classificados da chave avançam no torneio.

Venezuela e Bolívia se enfrentam já nesta quarta-feira (24), às 20 horas (de Brasília).

No mesmo dia, o Peru encara o Uruguai, às 22h15.

Já a Argentina só volta a campo na sexta-feira (27), às 22h15, para duelar com os venezuelanos e encerrar sua participação na primeira fase.

Final, Argentina 5 Bolívia 1.

Reportagem: Globoesporte.globo.com

Adaptação: Eduardo Oliveira

Revisão de Texto: Ana Cristina Ribeiro

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Confirme que você não é um robô. *