FURACÃO GOLEOU NA RODADA

A briga para fugir da zona de rebaixamento se acirrou ainda mais nesta quinta-feira (3).

Em São Paulo, o Coritiba levou a melhor no duelo direto com o Tricolor, venceu por 2 a 1 e recolocou os paulistas no Z-4.

Em Curitiba, o Atlético-PR goleou por 5 a 0, se afastou da degola e complicou a vida do Avaí, que segue em décimo oitavo lugar.

Também pela décima oitava rodada, o Cruzeiro deu fim ao jejum de quatro jogos, bateu o Vasco por 3 a 0 em Volta Redonda e encostou no G-6.

Na Arena da Baixada, o Atlético-PR não deu chances ao Avaí e emendou a segunda vitória consecutiva na competição.

O Furacão saiu na frente ainda na primeira etapa.

Aos 34 minutos do primeiro tempo, Guilherme mostrou oportunismo e abriu o placar, 1 a 0.

Na etapa final, aos 10 minutos do segundo tempo, o atacante repetiu a dose e marcou o segundo, 2 a 0.

Dois minutos depois, aos 12 minutos do segundo tempo, Capa mandou contra o próprio gol e ampliou a vantagem paranaense, 3 a 0.

Assim como Guilherme, Eduardo Henrique balançou as redes por duas vezes e fechou a goleada por 5 a 0.

Com 23 pontos, o Rubro-negro subiu para décima posição.

Diante do Morumbi lotado, o Coritiba freou a reação tricolor e arrancou uma importante vitória na luta contra o rebaixamento. As redes só balançaram na etapa final.

Aos 11 minutos do segundo tempo, Thiago Carleto fez de pênalti e abriu o placar para o Coxa.

Aos 22 minutos dos egundo tempo, Filigrana deixou o dele e ampliou a vantagem paranaense, 2 a 0.

O São Paulo descontou com Denilson aos 43 minutos do segundo tempo, mas não conseguiu evitar a derrota por 2 a 1.

Com o revés, o time paulista segue com 19 pontos e retorna ao Z-4, na décima sétima posição.

Mesmo fora de casa, no Raulino de Oliveira, o Cruzeiro se impôs diante do Vasco e venceu por 3 a 0.

Logo aos 2 minutos do primeiro tempo, Thiago Neves colocou a Raposa na frente.

Aos 18 minutos do primeiro tempo, Sassá cobrou pênalti com categoria e ampliou, 2 a 0.

No segundo tempo, Robinho marcou um golaço aos 42 minutos do segundo tempo e decretou a vitória mineira.

Com o resultado, a Celeste sobe para a sétima posição com 26 pontos.

Com 23, o Cruzmaltino caiu para nono.

Reportagem: CBF.com.br

Adaptação: Eduardo Oliveira

Revisão de Texto: Ana Cristina Ribeiro

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Confirme que você não é um robô. *