Flamengo leva vantagem para Cariacica

Flamengo vence o Corinthians no Parque São Jorge e larga na frente na semifinal.

Com gols de Yuri e Rodrigo Muniz, Rubro-Negro leva a melhor fora de casa.

Nathan desconta.

Com um gol em cada tempo, o Flamengo levou a melhor sobre o Corinthians, no Parque São Jorge, e venceu por 2 a 1.

Primeiro, Yuri abriu o placar em cobrança de pênalti.

Depois, Rodrigo Muniz balançou as redes no finalzinho, depois de entrar em campo na etapa final.

O Corinthians havia empatado ainda no primeiro tempo, com gol de Nathan, também de pênalti.

Agora, o Rubro-Negro está por um empate de chegar à decisão do Brasileirão.

Os dois times decidem quem será finalista do Brasileirão no próximo domingo, dia 17 de novembro, às 14 horas (horário de Brasília), em Cariacica, no Espírito Santo, com mando de campo rubro-negro.

Para passar, basta ao Flamengo empatar o jogo.

Já o Corinthians precisa vencer. Se ganhar por apenas um gol de diferença, leva a decisão aos pênaltis.

Vitória por dois ou mais gols dá a vaga ao Timão.

Corinthians e Flamengo conseguiram seus gols em lances de pênalti.

Primeiro, Wendel disparou em contra-ataque desde a linha de meio-campo, ganhando na velocidade de Lucas Piton, e foi derrubado pelo goleiro Guilherme ao chegar sozinho na área.

Yuri cobrou e abriu o placar para o Rubro-Negro, que estava bem no jogo, principalmente nos contra-ataques.

O Corinthians respondeu aproveitando os espaços deixados pela defesa do Flamengo.

Gabriel Pereira tentou o cruzamento e, na visão do bandeira e do árbitro, Neto cortou com o braço.

Na cobrança, Nathan empatou o jogo.

Na etapa complementar, o Flamengo dominou a partida.

Se antes apostou em contra-ataques rápidos, passou a ficar mais com a bola e envolveu o Corinthians em seu campo de ataque.

Vitor Gabriel, camisa 9 do Rubro-Negro, teve chances claríssimas de ampliar o placar e não conseguiu.

Coube a Rodrigo Muniz, seu substituto, a função de decretar a vitória, após ótimo cruzamento de Wendel.

Pelo lado do Corinthians, Sandoval teve chance de virar a partida, mas Hugo Souza fez ótima defesa.

Reportagem: Globoesporte.globo.com

Adaptação: Eduardo Oliveira

Revisão de Texto: Ana Cristina Ribeiro

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Confirme que você não é um robô. *