FINAL DA PRIMEIRA FASE

Enfim, a primeira fase do Campeonato Brasiliense chegou ao fim.

Neste sábado (1), foram cinco jogos que definiram as oito equipes que avançaram para a fase de quartas de final.

Jogando no Estádio Nacional Mané Garrincha, o Gama empatou com o Real FC e os dois estão classificados.

O Periquito na terceira posição.

E o Real na sétima.

Numa vacilada da zaga do Real FC, Dudu Gago que voltava de suspensão ganhou do zagueiro Victor
Hugo e rolou na medida para Gordo marcar aos 35 segundo de jogo, na primeira etapa.

Aos 18 minutos do primeiro tempo, Jorginho fez o giro e chutou forte a bola bateu na trave e voltou para Léo Santos sem goleiro completar para o gol.

O Real chegou ao empate.

Aos 34 minutos do primeiro tempo, Eduardo começou a jogada fez o lançamento para Gordo que deu uma meia lua no jogador Victor Hugo e tocou na saída do goleiro Léo Rodrigues que nada pode fazer.

Gama novamente na frente.

Na cobrança de escanteio de Santos, o zagueiro Victor Hugo foi empurrado pelo marcador Rodrigo Bronzatti e o árbitro Sávio Sampaio marcou a penalidade.

Léo Santos cobrou no canto esquerdo sem chances para o goleiro Maringá que foi para o lado direito.

O Real mais uma vez chegou ao empate, aos 39 minutos do primeiro tempo.

No segundo tempo, o Gama pressionou mais o Real, acertou duas vezes a trave do goleiro Léo Fernandes.

Com Jeferson Paulista e Bruno que entraram nos lugares de Gordo e Potita respectivamente.

Final, Gama-DF 2 Real FC-DF 2.

Confira os outros resultados:

No Estádio frei Norberto, Paracatu-MG/DF e Formosa-GO/DF empataram em 2 a 2.

Gols de Diego Brito (contra aos 3 minutos do primeiro tempo) e Caio Cabecinha (aos 15 minutos do segundo tempo – Paracatu); Edson Pacujá (aos 33 minutos) e Ratinho (aos 38 minutos do primeiro tempo – Formosa), apenas o Paracatu avançou.

No Estádio Serra do Lago, o Luziânia foi derrotado em casa por 2 a 0 para o Brasiliense, mas as duas equipes avançaram.

Gols de Márcio Digo (aos 38 minutos do primeiro tempo) e Reinaldo (aos 34 minutos do segundo tempo – Brasiliense).

No Estádio Bezerrão, Santa Maria e Sobradinho empataram por 1 a 1, e vão se enfrentar novamente nas quartas de final.

Gols de Gleisin (aos 23 minutos do segundo tempo – Santa Maria); Pedro Gabriel (aos 38 minutos do segundo tempo – Sobradinho).

No Estádio Abadião, o Ceilândia venceu o Paranoá por 3 a 0.

O Gato Preto terminou em primeiro e o Paranoá está eliminado.

Gols de Romarinho (com 1 minuto do primeiro tempo) e Didão (aos 10 minutos do primeiro tempo).

E Michel Platini (aos 2 minutos do segundo tempo – Ceilândia).

Confira a classificação final da Primeira Fase.

1- Ceilândia-DF: 24 pontos – 7 vitórias – +11 saldo de gols

2- Brasiliense-DF: 24 pontos – 7 vitórias – +9 saldo de gols

3- Gama-DF: 22 pontos

4- Sobradinho-DF: 16 pontos

5- Santa Maria-DF: 15 pontos – 3 vitórias – +3 saldo de gols

6- Paracatu-MG/DF: 15 pontos – 3 vitórias – +1 saldo de gol

7- Real-FC-DF: 14 pontos

8- Luziânia-GO/DF: 12 pontos

9- Formosa-GO/DF: 11 pontos – 3 vitórias – (-3 saldo de gols)

10- Paranoá-DF: 11 pontos – 3 vitórias – (-13 saldo de gols)

11- Brasília-DF: 7 pontos – 2 vitórias

12- Atlético Taguatinga-DF: 7 pontos – 1 vitória

Os confrontos das quartas de final:

Jogos de ida (dia 8 de abril – sábado, às 15h30)

Luziânia-GO/DF X Ceilândia-DF, no Estádio Serra do Lago, em Luziânia.

Real-FC-DF X Brasiliense-DF, no Estádio Abadião, em Ceilândia.

Paracatu-MG/DF X Gama-DF, no Estádio Frei Norberto, em Paracatu.

Santa Maria-DF X Sobradinho-DF, no Estádio Bezerrão.

Jogos de volta

Ceilândia-DF X Luziânia-GO/DF, no Estádio Abadião, em Ceilândia, no dia 12 de abril, às 15h30.

Brasiliense-DF X Real-FC-DF, no Estádio Abadião, em Ceilândia, no dia 13 de abril, às 15h30.

Gama-DF X Paracatu-MG/DF, no Estádio Nacional Mané Garrincha, no dia 12 de abril, às 15h30.

Sobradinho-DF X Santa Maria-DF, no dia 12 de abril, às 15h30, em local a ser definido.

A Federação de Futebol do Distrito Federal poderá fazer algumas mudanças na tabela de quartas de final.

Reportagem: Eduardo Oliveira

Revisão de Texto: Ana Cristina Ribeiro

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Confirme que você não é um robô. *