ESTREIA COM SOFRIMENTO

O Brasil começou na noite desta quarta-feira (18), a busca por uma vaga no Mundial Sub-20 que será disputado na Coreia do Sul, entre os dias 20 de maio até 11 de junho de 2017.

Classificarão 4 seleções da América do Sul.

O Sul-Americano Sub-20, este ano estava sendo disputado no Equador, de 18 de janeiro a 11 de fevereiro.

São 10 seleções que foram divididas em dois grupos.

No Grupo A – Equador, Colômbia, Brasil, Paraguai e Chile.

No Grupo B – Argentina, Uruguai, Peru, Venezuela e Bolívia.

Na primeira fase cada seleção joga dentro do grupo, os três primeiros colocados avançarão para o hexagonal final, que jogarão em turno único, e os quatro primeiros vão para o Mundial.

A estreia foi contra o Equador, sem dar espetáculo e com algum sufoco o Brasil saiu com a vitória pelo placar de 1 a 0.

O gol foi marcado aos 6 minutos do segundo tempo.

Richarlison foi lançado na área por Lyanco e apenas escorou para o meio.

E encontrou Felipe Vizeu, que mostrou seu faro de gol ao empurrar para o fundo das redes.

Em campo, a temperatura subiu, e o árbitro deu dez cartões, quatro para o Brasil e seis para o Equador, sendo um vermelho.

Além de trocas de empurrões, Vargas foi expulso no primeiro minuto do segundo tempo ao impedir Richarlison de entrar na área o que acabou facilitando a tarefa do Brasil em Riobamba.

O triunfo faz com que a equipe de Micale largue na liderança do Grupo A, já que Colômbia e Paraguai empataram em 1 a 1 no jogo de abertura do torneio.

Sebastian Ferreira abriu o placar para os paraguaios aos 36 da etapa final, após belo lançamento de Riveros para a área.

A Colômbia pressionou e empatou já aos 43, quando Valencia levou a melhor em uma disputa de bola dentro da pequena área.

O Chile, que folgou na rodada, será o próximo adversário do Brasil, sexta, também em Riobamba, e a vitória deixará a seleção bem encaminhada para ficar com uma das três vagas da chave para o hexagonal final.

Nesta quinta-feira (19), tem a abertura do Grupo B.

Uruguai X Venezuela e Argentina X Peru.

Final, Brasil 1 Equador 0.

Reportagem: Eduardo Oliveira

Revisão de Texto: Ana Cristina Ribeiro

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Confirme que você não é um robô. *