DUPLA GAÚCHA NAS QUARTAS

No Alfredo Jaconi, em Caxias do Sul, Juventude e São Paulo disputaram uma vaga nas quartas de final da Copa do Brasil.

O time gaúcho começou melhor o jogo, e Roberson acertou a trave aos 11 minutos do primeiro tempo.

Após os 20 minutos, o São Paulo conseguiu colocar a bola no chão e criou chances com Cueva cobrando falta obrigando o goleiro Elias a fazer grande defesa.

Rodrigo Caio perdeu uma boa oportunidade para o time do Morumbi.

Aos 36 minutos do primeiro tempo, Roberson, em posição irregular, completou para o gol, mas o auxiliar marcou impedimento, corretamente.

No segundo tempo, o Juventude começou assustando com Roberson, na boa defesa de Dênis que espalmou para o lado.

O São Paulo deu algum susto com Chavez que tentou surpreender o goleiro Elias, sem sucesso.

De tanto insistir o São Paulo chegou ao gol.

Aos 23 minutos do segundo tempo, Bruno fez o cruzamento, e Rodrigo Caio subiu mais que a defesa do Juventude para marcar.

O goleiro Elias ainda tocou nela, sem sucesso.

São Paulo 1 a 0.

O time do Tricolor fez aquela pressão para tentar o segundo gol.

O Juventude perdeu o poder de reação, e também o meio-campo não conseguia criar.

O goleiro Elias fez uma grande defesa na cabeçada de Rodrigo Caio.

Era um escanteio através do outro.

Foram seis minutos de acréscimo que o São Paulo tentava o segundo gol.

Nos minutos finais o time do São Paulo reclamou muito de um pênalti.

O zagueiro Lugano recebeu cartão amarelo.

O São Paulo volta a campo contra o Vitória no domingo (25), às 16 horas, no Barrdão, em Salvador.

E o Juventude jogará no dia 3 de outubro contra o Fortaleza, pelo Campeonato Brasileiro da Série C, no Alfredo Jaconi, às 19h15.

Final, Juventude-RS classificado 0 São Paulo-SP eliminado 1.

Como venceu por 2 a 1 fora de casa, o Juventude com a derrota levou a classificação.

No Castelão, em Fortaleza, o Leão do Pici venceu o Colorado, mas o placar não foi suficiente para a classificação.

O time cearense precisava vencer por 3 ou mais gols se quisesse pensar na vaga.

No primeiro tempo, o Fortaleza não se intimidou frente ao adversário e dominou o jogo, sem dar chances para o Inter.

E aos 14 minutos do primeiro tempo, William Simões passou por dois marcadores e passou para Juliano lançar pelo lado esquerdo e Everton fez o cruzamento para Daniel Sobralense marcar.

Fortaleza 1 a 0.

Precisando de mais gols, o Leão do Pici continuou na pressão.

O Inter só criou a partir dos 23 minutos do primeiro tempo.

Já o goleiro Danilo Fernandes fez pelo menos duas grandes defesas.

No segundo tempo, o Fortaleza continuou atacando mais.

Era uma chance de gol a cada minuto.

Após os 20 minutos da segunda etapa, o jogo virou lá e cá, com chances de gol para o Fortaleza e para o Inter.

Com a classificação, o Inter aguarda a definição dos confrontos das quartas de final, em sorteio na manhã desta sexta-feira (23), na sede da CBF (Confederação Brasileira de Futebol), quando também será definido através de sorteio a ordem do campo.

As partidas serão disputadas em 28 de setembro e 19 de outubro.

Eliminado, o Fortaleza depara com jogo decisivo por uma vaga na Série B de 2017.

Na segunda-feira, dia 3, o Leão encara o Juventude, às 19h15, no Alfredo Jaconi, no jogo de ida das quartas de final da Série C.

O Colorado, por sua vez, tenta escapar do Z-4 do Brasileirão em duelo com o Atlético-MG, no próximo domingo (25), às 18h30, no Independência, pela vigésima sétima rodada do Brasileirão.

Após o final do jogo, Pio ficou caído no gramado após choque de cabeça com Alex, no último lance do jogo.

Ambulância foi acionada no Castelão.

Mas, o jogador passa bem.

Final, Fortaleza-CE eliminado 1 Internacional-RS classificado 0.

Reportagem: Eduardo Oliveira

Revisão de Texto: Ana Cristina Ribeiro

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Confirme que você não é um robô. *