CSA E TUPI ASSUMIRAM A LIDERANÇA DE SEUS GRUPOS

Dando sequência à décima quarta rodada da Série C do Campeonato Brasileiro, quatro times somaram três pontos na tarde deste sábado (12).

Pelo Grupo A, o líder CSA-AL bateu o Remo-PA, enquanto o Sampaio Corrêa-MA venceu o Confiança-SE.

Já pelo Grupo B, o Tupi-MG derrotou o Macaé e dormiu na liderança, enquanto o Ypiranga-RS somou pontos devido ao W.O. da equipe do Mogi Mirim. Confira os detalhes:

Líder do Grupo A, o CSA derrotou o Remo por 2 a 0 e está cada vez mais perto de avançar na competição.

Melhor em campo nos dois tempos da partida no Rei Pelé, o Azulão marcou o primeiro gol aos 35 minutos do primeiro tempo, com uma bomba de fora da área de Rafinha em cobrança de falta.

O segundo saiu aos 39 minutos do segundo tempo.

Edinho passou para Didira, que subiu e marcou de cabeça: 2 a 0.

Com 27 pontos, o CSA segue na liderança, enquanto o Leão, com 18 pontos, aparece em quarto lugar, mas pode ser ultrapassado até o complemento da rodada.

No Castelão, em São Luís, o Sampaio Corrêa dominou as ações diante do Confiança e garantiu a vitória por 2 a 1.

Após dar muito trabalho ao goleiro Henrique, a Bolívia Querida abriu o placar aos 31 minutos do primeiro tempo.

O goleiro fez ótima defesa no chute de Felipe Marques, mas a sobra ficou com Maracaz, que bateu de primeira e marcou.

O Confiança respondeu rápido e empatou aos 40 minutos do primeiro tempo.

Tito puxou contra-ataque, invadiu a área e deixou tudo igual.

Na volta do intervalo, o time sergipano teve chances de virar o jogo, mas foi parado no goleiro do Sampaio.

Por outro lado, o time maranhense criou mais chances e aproveitou, aos 36 minutos do segundo tempo para marcar o gol da vitória.

Isac mandou para a área, Reginaldo Júnior dominou e finalizou: 2 a 1.

Com 25 pontos, o Sampaio é o segundo colocado do Grupo A, enquanto o Confiança, com 13 pontos, aparece na nona posição.

Em jogo sem muita emoção no Mário Helênio, em Juiz de Fora, o Tupi aproveitou uma das poucas chances de gol da partida e garantiu a vitória por 1 a 0 diante do Macaé.

Aos 11 minutos do segundo tempo, Juninho finalizou, e o goleiro Henrique deu rebote.

Atento, Ítalo aproveitou e empurrou para o fundo das redes.

Com o resultado, o Tupi dorme na liderança do Grupo B, com 23 pontos.

O Macaé, que chegou à sexta rodada sem vencer, está em nono lugar, com 12.

No outro jogo do Grupo B marcado para esta tarde, o Ypiranga-RS foi decretado o vencedor por W.O.

No Vail Chaves, a equipe do Mogi Mirim não entrou em campo, garantindo os três pontos ao time gaúcho conforme o § Primeiro do Artigo 56 do Regulamento Geral de Competições (RGC).

Com o resultado, o Ypiranga ficou na vice-liderança do grupo, com 21 pontos.

O Mogi é o lanterna, com dez.

Mais dois jogos foram realizados neste sábado (12) pela décima quarta rodada da Série C do Campeonato Brasileiro. Pelo Grupo A, o Salgueiro-PE derrotou o ASA-AL por 2 a 0 e entrou no G-4.

Na outra chave, o Volta Redonda venceu o Bragantino por 1 a 0 e colou no quarto colocado.

No Cornélio de Barros, Salgueiro e ASA fizeram um primeiro tempo equilibrado.

Mais criativo, o time da casa soube aproveitar melhor a oportunidade e marcou logo aos seis minutos de jogo.

Moreilândia aproveitou falha na defesa alagoana e passou para Jean Carlos, que se livrou dos marcadores e acertou um belo chute para abrir o placar para o Salgueiro.

Na volta do intervalo, os times entraram mais ligados.

O ASA teve boas chances de empatar, em finalizações de Rafael Tavares e Juninho, por exemplo.

O Carcará também seguiu bem, ficou perto de ampliar em várias oportunidades e marcou o segundo aos 38 minutos do segundo tempo.

Rodolfo Potiguar ficou com a sobra após bate-rebate na área e, de perna esquerda, mandou para o gol: 2 a 0.

Com 20 pontos, o Salgueiro entrou para o G-4 do Grupo A, ocupando agora o quarto lugar.

O ASA, com 12, segue na lanterna da chave.

Pelo Grupo B, o Volta Redonda venceu o Bragantino por 1 a 0, no Raulino de Oliveira, e quebrou o jejum de dois meses sem triunfar em casa.

O Massa Bruta explorou bem os contra-ataques e levou perigo em alguns momentos ao Voltaço.

No segundo tempo, os times voltaram mais criativos.

Adriano quase abriu o placar para a equipe da casa aos 9 minutos do segundo tempo tirando tinta da trave adversária.

A melhor chance para o Braga foi em bola parada, quando Bruno Oliveira caprichou na cobrança de falta e carimbou o travessão.

Aos 37 minutos do segundo tempo, após cruzamento de Michel Banhami e confusão na área, David Batista apareceu no meio de todo mundo e marcou o gol da vitória do Volta Redonda.

Com 20 pontos, o Tricolor de Aço colou no G-4 e agora aparece em quinto lugar, com 20 pontos.

O Bragantino, com 15 pontos, está na oitava posição.

Reportagem: CBF.com.br

Adaptação: Eduardo Oliveira

Revisão de Texto: Ana Cristina Ribeiro

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Confirme que você não é um robô. *