COSTA RICA VENCEU E COMPLICOU OS AMERICANOS

A Costa Rica aprontou na noite desta sexta-feira (1).

Jogando na Red Bull Arena, em Nova Jérsei, a equipe derrotou a seleção dos Estados Unidos por 2 a 0, chegou a quatro vitórias nesta fase das eliminatórias, deu um passo expressivo em direção à Copa do Mundo do ano que vem e ainda complicou a vida do adversário na disputa.

Os dois gols do jogo foram marcados por Marcos Ureña, atacante do San Jose Earthquakes, clube da Major League Soccer (MLS).

Aos 30 minutos do primeiro tempo, recebeu passe de Ruiz, invadiu a área e bateu cruzado.

E aos 37 minutos do segundo, na bobeira da defesa americana, recebeu livre de Guzmán e bateu firme para fechar o placar.

Honduras jogando fora de casa venceu Trinidad e Tobago por 2 a 1.

Gols de Joevin Jones cobrando pênalti descontou para Trinidad e Tobago, aos 22 minutos do segundo tempo.

Alexander López, aos 7 minutos do primeiro tempo, e Alberth Elias, aos 16 minutos do primeiro tempo (Honduras).

O México jogando em casa venceu o Panamá pleo placar de 1 a 0, com gol de Losano, aos 8 minutos do segundo tempo.

O México chegou aos 17 pontos, três a mais que a Costa Rica (14 pontos).

Os Estados Unidos com 8 são o terceiro, e Honduras tem a mesma pontuação americana está na quarta posição.

As duas seleções voltam a campo na próxima terça-feira, dia 5 de setembro, pela oitava rodada das eliminatórias da Concacaf.

Às 18h35, os Estados Unidos enfrentam Honduras fora de casa.

Às 23h05, é a vez da Costa Rica receber o México.

E no mesmo horário, Panamá e Trinidad e Tobago.

Reportagem: Eduardo Oliveira

Revisão de Texto: Ana Cristina Ribeiro

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Confirme que você não é um robô. *