CONTANDO OS MINUTOS PARA O TÍTULO

O Corinthians deu um passo muito importante na corrida para ser campeão brasileiro.

Na noite desta quarta-feira (8), na Arena da Baixada, em Curitiba, o Timão venceu o Atlético-PR por 1 a 0, gol de Giovanni Augusto, e conseguiu dois triunfos seguidos pela primeira vez neste segundo turno do Brasileirão (havia batido o Palmeiras no último domingo).

O Furacão teve a oportunidade de sair na frente, mas Nikão desperdiçou pênalti na etapa inicial, e o time está há três partidas sem vencer.

Mesmo com a cabeça voltada para as finais da Libertadores, o Grêmio continua dando trabalho no Campeonato Brasileiro.

Com um time todo praticamente reserva em Campinas, o Tricolor Gaúcho complicou ainda mais a situação da Ponte Preta na luta contra o rebaixamento ao vencer por 1 a 0.

Diante de uma Macaca que jogou com um a menos desde os 17 minutos do primeiro tempo, após a expulsão de Fernando Bob, Ramiro fez o único gol da partida, no início da etapa final.

Os donos da casa pressionaram até o fim, mas pararam em grandes defesas do goleiro Marcelo Grohe.

Em noite de história para o maior ídolo do Avaí, Marquinhos, festa toda do Bahia em Florianópolis de Edigar Júnio.

O capitão do Leão da Ilha marcou de falta e se tornou o maior artilheiro da Ressacada.

Mas o Tricolor baiano, em ascensão no Brasileirão, cresceu no jogo e conseguiu a virada com dois gols do artilheiro do Bahia na Série A para conquistar terceira vitórias nos últimos quatro jogo, encostar no G-7 ao conquistar e afundar e afundou ainda mais o time catarinense na vice-lanterna.

Empurrado pela torcida, o Sport foi para cima do Botafogo e encurralava o Alvinegro, até que… Magrão falhou.

Foi tentar driblar, perdeu a bola, e Bruno Silva fez 1 a 0 com 14 minutos do primeiro tempo.

E o Leão, sem Diego Souza, suspenso, sentiu o golpe.

Aos 18 minutos do primeiro tempo, Marcos Vinícius ampliou em chute no cantinho, e os cariocas só não fizeram o terceiro porque Brenner perdeu chance cara a cara.

O time de Jair Ventura só administrou no segundo tempo, mas correu riscos.

André diminuiu aos 40 minutos, mas já era tarde demais.

O Flamengo venceu e venceu bem o Cruzeiro.

Desde o início, tomou as rédeas da partida e pouco deixou o time de Mano Menezes criar.

Com um bom primeiro tempo, e Paquetá se movimentando bastante, abriu o placar aos 36 minutos, com Everton.

No segundo tempo, a Raposa até tentou aparecer no jogo, mas sem sucesso.

O Flamengo dominou o meio de campo, liderou os desarmes, chutes a gol e posse de bola.

Para sacramentar a boa apresentação da equipe carioca, Vinícius Junior, xodó da torcida, entrou em campo e também balançou as redes.

Aos 48 minutos do segundo tempo, Everton lançou o garoto, de 17 anos que, cara a cara com o goleiro Fábio teve frieza para marcar e decretar a vitória: 2 a 0.

O Vitória ganhou do Palmeiras por 3 a 1, no Barradão, e saiu da zona de rebaixamento do Campeonato Brasileiro é o décimo sexto colocado.

Bem que o presidente Agenor Gordinho tinha falado em “atropelar” o adversário…

Já a equipe paulista manteve a quarta posição, mas viu dois times à sua frente abrirem vantagem (Corinthians e Grêmio) e outros dois que estão atrás se aproximarem (Botafogo e Flamengo).

Dois belos chutes definiram a vitória do Vasco sobre o Santos, na Vila Belmiro. Evander e Nenê, nos acréscimos, foram os responsáveis pela virada por 2 a 1 sobre o Peixe, que deixou o Cruz-Maltino ainda colado no G-7.

Ricardo Oliveira havia marcado anteriormente para os anfitriões.

Reportagem: Globoesporte.globo.com

Adaptação: Eduardo Oliveira

Revisão de Texto: Ana Cristina Ribeiro

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Confirme que você não é um robô. *