COELHO DE VOLTA A SÉRIE A

Neste sábado (11), conhecemos a primeira equipe que subiu para o Campeonato Brasileiro da Série A.

O América-MG venceu fora de casa o Figueirense pelo placar de 2 a 1, e com o empate do Oeste não pode mais ser alcançado pela equipe paulista.

Os mineiros que foram rebaixados em 2016 estarão de volta em 2018.

Rafael Lima de cabeça fez 1 a 0 para o Coelho no primeiro minuto de jogo.

Jorge Henrique também de cabeça marcou o gol de empate para os catarinenses, aos 25 minutos do primeiro tempo.

No jogo das cabeçadas, Bill cruzou a bola passou pela defesa do Figueirense e chegou em Gerson Magrão que ajeitou para Giovanni fazer o segundo do América-MG, aos 48 minutos do primeiro tempo.

Com o resultado, o América-MG chegou aos 66 pontos e assumiu a primeira posição.

Dois pontos a mais que o Internacional (54), que ficou no empate com Vila Nova.

Cláudio Winck marcou aos 11 minutos do primeiro tempo.

Ruan empatou para o Vila Nova, aos 3 minutos do segundo tempo.

O Internacional precisará de uma vitória simples ou até um empate dependendo dos resultados para confirmar o acesso.

Após a partida, muita confusão e o técnico Guto Ferreira foi demitido.

Há três rodadas do fim, o Colorado está sem técnico.

O Vila Nova terminará a rodada na sétima posição com 54 pontos.

Em sexto está o Londrina com 55 pontos, venceu o Náutico com gol nos acréscimos, e rebaixou o time pernambucano para a Série C em 2018.

Carlos Henrique abriu o placar para o Tubarão, aos 42 minutos do primeiro tempo.

O zagueiro Aislan de falta, empatou aos 5 minutos do primeiro tempo.

Germano marcou o segundo gol, aos 46 minutos do segundo tempo.

E mantém o sonho do acesso.

Em Goiânia, Goiás e Ceará não saíram do empate sem gols.

Com 60 pontos, o Ceará pode confirmar o acesso na próxima rodada.

Vencer e torcer por tropeços de Oeste e Londrina.

E o Goiás, ainda corre risco de rebaixamento.

Em Varginha, o Boa Esporte venceu o Santa Cruz pelo placar de 4 a 2, e respira fora do Z-4.

Rodolfo de pênalti fez 1 a 0 Boa Esporte, aos 14 minutos do primeiro tempo.

O Santa respondeu logo em seguida com Ricardo Bueno empatando o jogo em 1 a 1, aos 15 minutos do primeiro tempo.

No segundo tempo, um show de gols.

Aos 18 minutos, Rodolfo de fora da área colocou o Boa Esporte na frente.

Aos 22 minutos do segundo tempo, Rodolfo novamente de pênalti fez 3 a 1.

Wesley marcou o quarto, aos 34 minutos do segundo tempo.

E aos 37 minutos do segundo tempo, Grafite descontou.

Mas, já era tarde.

O Santinha é outro pernambucano que em 2018 disputará a Série C.

No Estádio Brinco de Ouro, em Campinas, o Guarani venceu o CRB com gol nos acréscimos do segundo tempo, e deu um alívio ao torcedor bugrino.

Já, o CBR continua perto do Z-4.

Luiz Fernando fez 1 a 0 para o Guarani, aos 29 minutos do primeiro tempo.

Flávio Boaventura empatou para o CRB, aos 34 minutos do primeiro tempo.

E Bruno Mendes marcou o gol da vitória do Guarani, aos 46 minutos do segundo tempo.

No Estádio da Curuzu, em Belém, uma partida cheia de alternativas.

Brasil de Pelotas venceu o Paysandu pelo placar de 3 a 2 e equipes ficaram estacionadas no meio de tabela.

Ednei cobrou falta e contou com a falha do goleiro Emerson para abrir o placar, aos 23 minutos do primeiro tempo.

Bergson empatou de cabeça, aos 45 minutos do primeiro tempo.

Aos 13 minutos do segundo tempo, Cassiano colocou o Brasil novamente a frente do placar, em 2 a 1.

Aos 30 minutos do segundo tempo, vários refletores apagaram e a partida ficou paralisada por 15 minutos.

Aos 46 minutos do segundo tempo, Cassiano aproveitou vacilo da defesa do Papão, e fez o terceiro do Brasil e o segundo dele no jogo.

Aos 59 minutos do segundo tempo, Juninho descontou para o Paysandu, mas já era tarde.

Vitória do Brasil por 3 a 2.

Reportagem: Eduardo Oliveira

Revisão de Texto: Ana Cristina Ribeiro

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Confirme que você não é um robô. *