BAYERN E REAL NAS QUARTAS

O Arsenal tinha uma missão quase impossível na Liga dos Campeões.

Após perder por 5 X 1 em Munique, tinha de fazer ao menos 4 X 0 para ficar com a vaga.

Contudo, o time sofreu nova goleda para o Bayern de Munique, em Londres, por 5 X 1.

O Arsenal até saiu na frente, com gol de Walcott, aos 20 minutos do primeiro tempo.

Contudo, aos 8 minutos do segundo tempo, tudo mudou para o Arsenal.

Koscielny deu carinho dentro da área, cometeu pênalti e recebeu amarelo.

Após muito reclamar, o zagueiro foi expulso.

Na cobrança, Lewandowski empatou para o Bayern.

Aos 23 minutos do segundo tempo, Robben invadiu a área driblando o já abatido time do Arsenal e bateu no canto do goleiro Ospina, que nada pôde fazer.

Douglas Costa, que entrou no segundo tempo, e Vidal, duas vezes, fecharam o placar para os visitantes aos 33, 35 e 40 minutos.

Com a vitória, o Bayern avança às quartas de final com placar agregado de 10 X 2.

Final, Arsenal (Inglaterra) eliminado 1 Bayern de Munique (Alemanha) classificado 5.

O zagueiro Sergio Ramos mostrou os motivos de ser ídolo do Real Madrid.

Além de ter feito o gol de empate na final da Liga dos Campeões de 2013/2014, que fez o jogo ir para a prorrogação e depois terminar com o décimo título da equipe, o jogador participou dos dois primeiros gols na vitória, de virada, sobre Napoli por 3 X 1, classificando o Real para as quartas de final.

E o Napoli deu trabalho. Mertens, com 24 do primeiro tempo, fez 1 X 0 para o time da casa, que ficou a um gol da vaga para as quartas.

E os italianos tiveram chances, mas não marcaram.

O zagueiro Sergio Ramos mostrou os motivos de ser ídolo do Real Madrid.

Além de ter feito o gol de empate na final da Liga dos Campeões de 2013/2014, que fez o jogo ir para a prorrogação e depois terminar com o décimo título da equipe, o jogador participou dos dois primeiros gols na vitória, de virada, sobre Napoli por 3 X 1, classificando o Real para as quartas de final.

E o Napoli deu trabalho. Mertens, com 24 do primeiro tempo, fez 1 X 0 para o time da casa, que ficou a um gol da vaga para as quartas.

E os italianos tiveram chances, mas não marcaram.

Final, Napoli (Itália) eliminado 1 Real Madrid (Espanha) classificado 3.

Reportagem: Veja.abril.com.br/placar/ligadoscampeoes

Adaptação: Eduardo Oliveira

Revisão de Texto: Ana Cristina Ribeiro

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Confirme que você não é um robô. *