BARÇA FEZ HISTÓRIA

Liga dos Campeões da Europa conheceu nesta quarta-feira (8), mais duas equipes para as quartas de final.

O Barcelona eliminou o Paris Saint-Germain e o Borussia Dortmund passou pelo Benfica.

No Camp Nou, em Barcelona, o time da casa precisando reverter um placar de 4 a 0 frente ao Paris Saint-Germain, começou pressionando.

E logo aos 3 minutos do primeiro tempo, Rafinha fez o cruzamento pelo lado direito, Marquinhos cabeceou para trás, Verratti vacilou na marcação, e Luis Suárez tocou de cabeça por cima do goleiro Kevin Trapp para abrir o placar.

Meunier ainda tentou salvar, mas a tecnologia mostrou que a bola já tinha passado da linha do gol.

Barcelona 1 a 0.

O time francês ficou um pouco tenso com o gol sofrido nos primeiros minutos de jogo.

Depois dos 15 minutos, o Barcelona só conseguiu chegar em cobranças de falta, que não assustaram o goleiro Kevin Trapp.

De tanto pressionar o Barcelona chegou ao segundo gol.

Aos 39 minutos do primeiro tempo, Suárez levantou na área, Marquinhos demorou para fazer o corte.

Iniesta ganhou a disputa e tocou de calcanhar para o meio da área, Kurzawa tentou cortar, mas errou e tocou contra o próprio gol.

Barcelona 2 a 0.

O Barcelona voltou como terminou o primeiro tempo, pressionando.

Iniesta tocou na área para Neymar, Meunier escorregou, derrubou o brasileiro, o árbitro demorou, mas conversou com o auxiliar que fica atrás do gol e marcou o pênalti muito duvidoso.

Messi cobrou forte no alto do goleiro Kevin Trapp que acertou o canto, mas não evitou o gol.

Barcelona 3 a 0, aos 4 minutos do segundo tempo.

No lance seguinte o Paris Saint-Germain acertou a trave do goleiro Ter Stegen na conclusão de Cavani depois do cruzamento de Meunier.

Aos 16 minutos do segundo tempo, lançamento para a área, Kurzawa escorou de cabeça, e Cavani pegou de primeira uma pancada e descontou para o Paris Saint-Germain, em 3 a 1.

Cavani marcou o oitavo gol dele na Liga.

Cavani e Di María tiveram duas grandes oportunidades de marcar, mas desperdiçaram as chances.

Aos 42 minutos do segundo tempo, Neymar cobrou a falta e marcou um lindo gol.

Sem chances para o goleiro Kevin Trapp que ficou parado.

Barcelona 4 a 1.

No levantamento para a área, Suárez caiu na disputa com Marquinhos, e o árbitro marcou o pênalti.

Neymar cobrou deslocando o goleiro Kevin Trapp, e marcou aos 45 minutos do segundo tempo.

Barcelona 5 a 1.

Aos 49 minutos do segundo tempo, Neymar fez o drible na marcação do jogador do Paris Saint-Germain, levantou a bola para a área, Sergi Roberto apareceu nas costas da defesa e se atirou para tocar antes de Kevin Trapp para fazer 6 a 1 para o Barcelona.

O Barcelona reverteu o resultado por duas vezes.

A partida foi de alto nível.

O Paris Saint-Germain não perdia por 5 gols de diferença a mais de 1050 jogos.

Nas 58 ocasiões que uma equipe havia perdido o jogo de ida por 4 a 0, ela havia sido eliminada.

Nesta quarta-feira (8), o Barça fez história.

Agora, após 59 confrontos com 4 a 0 na ida, o time da casa conseguiu a “remontada” em 1,69% das vezes.

Remontada é uma palavra espanhola que significa virada.

Final, Barcelona (Espanha) classificado 6 Paris Saint-Germain (França) eliminado 1.

Na Alemanha, o Borussia Dortmund recebeu o Benfica.

Os portugueses venceram a primeira partida por 1 a 0.

Precisando de marcar gols para levar a vaga, o Borussia foi para o ataque.

E logo aos 4 minutos do primeiro, Dembélé cobrou escanteio para a área, bola foi desviada na primeira trave, e Aubameyang, completamente livre, completou de cabeça para colocar o Dortmund na frente.

O goleiro Ederson chegou a encostar nela, mas não evitou o gol.

Borussia 1 a 0.

No segundo tempo, os alemães do Borussia definiram a partida em 2 minutos.

Aos 13 minutos do segundo tempo, o goleiro Ederson fez uma defesaça na chegada de Pulisic, fechando o ângulo do jogador do Dortmund.

No rebote Pulisic recebeu um belo passe de Piszczek e, desta vez, deu apenas um toque por cima do goleiro brasileiro, que nada pôde fazer.

Borussia 2 a 0.

Aos 15 minutos do segundo tempo, a defesa do Benfica ficou perdida e levou o terceiro gol.

Weigl fez o lançamento preciso para Schmelzer pelo lado esquerdo, e o lateral fez o cruzamento de primeira para o meio da área.

Lá estava Aubameyang, que só desviou para marcar.

Borussia 3 a 0.

Com um placar elástico os alemães controlaram a partida.

Mas, teve tempo para mais um.

Aos 39 minutos do segundo tempo, o zagueiro Luisão rifou de qualquer maneira uma bola na defesa.

O Borussia Dortmund organizou seu ataque até chegar em Durm pelo lado direito.

O lateral cruzou rasteiro e encontrou Aubameyang sozinho na segunda trave, que apenas colocou o pé esquerdo para fazer seu terceiro gol no jogo.

Borussia 4 a 0.

E no final os alemães conseguiram a vaga.

Final, Borussia Dortmund (Alemanha) classificado 4 Benfica (Portugal) eliminado 0.

Na terça-feira (14) jogarão:

Juventus (Itália) X Porto (Portugal), às 16h45, no Juventus Stadium (Primeiro jogo Juventus 2 a 0).

Leicester City (Inglaterra) X Sevilla (Espanha), às 16h45, no Leicester Stadium (Primeiro jogo Sevilla 2 a 1).

Na quarta-feira (15):

Mônaco (França) X Manchester City (Inglaterra), às 16h45, no Louis II. (Primeiro jogo Manchester City 5 a 3).

Atlético de Madrid (Espanha) X Bayer Leverkusen (Alemanha), às 16h45, no Vicente Calderón. (Primeiro jogo Atlético de Madrid 4 a 2).

Os confrontos da próxima fase da Liga dos Campeões serão definidos através de um sorteio que acontece na sexta-feira da semana que vem, dia 17, logo depois da segunda leva dos jogos de volta das oitavas da competição.

Reportagem: Eduardo Oliveira

Revisão de Texto: Ana Cristina Ribeiro

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Confirme que você não é um robô. *